Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Romero Jucá define nova equipe do Ministério do Planejamento

Notícias

Romero Jucá define nova equipe do Ministério do Planejamento

Secretários escolhidos são servidores de carreira

publicado:  16/05/2016 18h48, última modificação:  16/05/2016 18h54
 
 
O ministro do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, Romero Jucá, definiu, nesta segunda-feira (16), parte da nova equipe de secretários. Na Secretaria-Executiva, será nomeado Dyogo Henrique Oliveira, que deixa a Secretaria-Executiva do Ministério da Fazenda para assumir o cargo. Oliveira é servidor público da carreira de Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental (EPPGG). A chefia de gabinete do ministro será ocupada pelo consultor legislativo do Senado Federal, Fernando Veiga Barros.  
 
Na Secretaria de Orçamento Federal (SOF), George Aguiar Soares, servidor público da carreira de Analista de Planejamento e Orçamento (APO), assumirá o comando. Na Secretaria de Planejamento e Investimento (SPI), será nomeado o servidor da carreira de EPPGG, Francisco Franco, até então titular da SOF.  
 
A Secretaria de Gestão (Seges) será ocupada por Gleisson Cardoso Rubin, servidor da carreira de EPPGG, atual presidente da Escola Nacional de Administração Pública (Enap), instituição vinculada ao ministério. A Secretaria do Programa de Aceleração do Crescimento (Sepac) será transformada em Secretaria de Desenvolvimento e Infraestrutura e terá como titular Hailton Madureira de Almeida, da carreira de Analista de Finanças e Controle (AFC).
 
Na Secretaria de Patrimônio da União (SPU), não haverá mudanças e permanece o titular Guilherme Estrada, que é servidor público da carreira jurídica de procurador federal. O consultor jurídico do ministério, o procurador federal Walter Baere, também será mantido.
 
A Assessoria Econômica (Assec) do ministério será assumida por Marcos Ferrari, que é professor do Instituto Federal do Espírito Santo (IFES). O Departamento de Empresas Estatais (Dest) será dirigido por Fernando Ribeiro Soares, servidor da carreira de EPPGG.
 
Instituições vinculadas
 
O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) será presidido pelo economista Manoel Pires, que ocupou a Secretaria de Política Econômica do Ministério da Fazenda. Wasmália Bivar continuará presidente do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Na Enap, assume o atual diretor de Desenvolvimento Gerencial da instituição, Paulo Marques. A Agência Brasileira Gestora de Fundos Garantidores e Garantias (ABGF), que era vinculada ao Ministério da Fazenda, passa a ser vinculada ao Planejamento e Marcelo Franco irá dirigir o órgão.