Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Reunião Anual do BID: Veja aqui apresentação da ministra sobre a Rio+20

Reunião Anual do BID: Veja aqui apresentação da ministra sobre a Rio+20

publicado:  19/03/2012 12h09, última modificação:  02/06/2015 16h22

Brasília, 19/3/2012 - Com o objetivo de reforçar o chamado para que todos os Chefes de Estado estejam no Rio de Janeiro entre os dias 20 e 22 de junho, na Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20, a ministra do Planejamento, Miriam Belchior, realizou apresentação no domingo (18), para sensibilizar os membros da 53ª Reunião Anual da Assembleia de Governadores do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), em Montevidéu, no Uruguai.

Na apresentação, a ministra destacou que o encontro não é somente uma conferência ambiental, mas um momento de se discutir novos modelos de desenvolvimento, de acordo com as realidades econômicas, sociais e ambientais de cada país. “O objetivo maior da Rio+20 é renovar, em alto nível, o compromisso mundial para o desenvolvimento sustentável.

Miriam explicou que até junho será necessário construir um consenso à altura dos grandes desafios que o mundo enfrenta nas áreas econômica, social e ambiental. “A América Latina e Caribe têm um papel fundamental na busca do entendimento entre os países para a construção do diálogo entre os hemisférios norte e sul, esclareceu.

O Brasil, enquanto anfitrião do encontro, é o responsável pelo documento que será adotado na Rio+20. A primeira versão, chamada de “Rascunho Zero, é uma síntese de seis mil páginas de contribuições apresentadas pelos países, organismos internacionais e organizações da sociedade civil. “A posição do Brasil tem sido a de buscar entendimento entre países em desenvolvimento e as grandes potências econômicas mundiais, para reduzir a perversa divisão que vem contaminando os processos multilaterais. O que  nós queremos é estabelecer conjuntamente, entre países ricos e pobres, um ponto comum que nos permita dizer que estamos preocupados em preservar o futuro do nosso planeta.

Na ocasião, a ministra propôs que o mundo adote compromissos em formato similar ao dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM) para o desenvolvimento sustentável. Ela defendeu a criação de Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), com metas e indicadores associados às dimensões da sustentabilidade. “Não está claro, hoje, dentro do sistema da ONU, quem é responsável por lidar com a governança do desenvolvimento sustentável.

Segundo a ministra, a proposta apresentada foi bem recebida pelas autoridades internacionais presentes no encontro.

Os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM) foram definidos pelos países membros da Organização das Nações Unidas (ONU) para melhorar as condições de vida da população pobre até 2015, em termos de renda, educação, saúde, meio ambiente e gênero. Ao todo, são oito objetivos. Para alcançá-los, foram traçadas 18 metas e 48 indicadores para medir o avanço dos países nessas áreas.

Confira abaixo a apresentação em Power Point e áudio da fala da ministra.

 Apresentação da ministra sobre a Rio+20