Você está aqui: Página Inicial > Releases > Planejamento e CGU criam rede para fortalecer Gestão de Risco nos órgãos públicos

Notícias

Planejamento e CGU criam rede para fortalecer Gestão de Risco nos órgãos públicos

Primeiras diretrizes da Rede GIRC foram debatidas hoje por 43 instituições, durante fórum transmitido em tempo real
publicado:  29/08/2017 19h35, última modificação:  23/10/2017 15h49

Nesta terça-feira (29), 43 organizações da administração pública federal reuniram-se no Ministério do Planejamento Desenvolvimento e Gestão (MP) para debater as diretrizes da Rede de Gestão Integridade Riscos e Controles Internos (Rede Girc). Criada pelo MP em parceria com o Ministério da Transparência e Controladoria Geral da União (CGU), a rede pretende ampliar parcerias e fortalecer a gestão riscos nos órgãos públicos.

Foto: Gleice Mere/Ministério do Planejamento 

“A ideia da Rede Girc surgiu durante um curso de capacitação na Escola Nacional de Administração Pública – Enap, em abril”, explica o chefe da Assessoria Especial de Controle Interno do MP, Rodrigo Fontenelle. “Nesse treinamento sentimos necessidade de integrar mais todos os órgãos que, de alguma forma, trabalham o tema Gestão de Riscos”.

Transmitida em tempo real para os órgãos que não puderam comparecer, esta foi a primeira reunião da rede. “A criação da Rede GIRC é o primeiro passo para que possamos evoluir na maturidade das organizações, aprendendo com quem já está mais adiantado”, afirmou Fontenelle. O tema é novo, porém tem sido cada vez mais abordado nos órgãos do governo federal.

A Rede Girc é um dos resultados práticos da Instrução Normativa nº 1 – publicada em maio do ano passado pelo Planejamento e pela CGU –, que instituiu procedimentos para prever riscos e proteger a integridade das instituições e a segurança dos recursos públicos.