Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Planejamento apresenta ações para transformação digital do governo

Notícias

Planejamento apresenta ações para transformação digital do governo

Secretário Marcelo Pagotti participou da Expo TIC Brasília 2017
publicado:  16/05/2017 14h07, última modificação:  16/05/2017 14h07

As ações do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MP) para transformar digitalmente o governo brasileiro foram apresentadas, nesta terça-feira (16), a gestores e profissionais do setor durante a Expo TIC Brasília 2017. A finalidade é simplificar o acesso do brasileiro aos serviços prestados pela Administração Pública Federal (APF). O secretário de Tecnologia da Informação e Comunicação, Marcelo Pagotti, representou o MP no evento.

Governo Digital é o uso da tecnologia para fornecer serviços públicos de uma forma mais inteligente. O jovem brasileiro quando for consumir um serviço ofertado pelo governo não vai mais querer ir uma agência para ser atendido, não vai mais querer levar documentos em protocolos, ele vai querer resolver tudo a partir de seu celular pelo meio digital”, afirmou Pagotti. Segundo o secretário, os projetos da Secretaria de Tecnologia da Informação e Comunicação (SETIC) estão focados na desburocratização dos serviços para o cidadão brasileiro.

Instituída pelo Decreto nº 8.936, de dezembro de 2016, a Plataforma de Cidadania Digital tem a finalidade de ampliar e simplificar o acesso dos cidadãos brasileiros aos serviços públicos digitais, inclusive por meio de dispositivos móveis. O Portal de Serviços do Governo federal (servicos.gov.br) se tornará o canal único e integrado para a disponibilização de informações, solicitação eletrônica e acompanhamento de serviços públicos. Atualmente, o site já conta com diversas informações sobre como o cidadão pode ser atendido pelo órgãos federais.

Outra ação para transformar digitalmente o governo federal é a Plataforma de Análise de Dados do Governo Federal (GovData). A utilização desta solução vai permitir aos gestores públicos, por exemplo, descobrir rapidamente se uma pessoa que já faleceu continua recebendo um benefício social ou fazer o cruzamento de dados de programas sociais com renda de cidadãos. “A GovData vai simplificar o trabalho do gestor público no refinamento das políticas públicas, impactando diretamente nos cidadãos”, disse Pagotti.

Estão disponíveis na GovData as 20 bases de dados mais acessadas pelos servidores públicos do governo federal. Entre elas o Cadastro de Pessoas Físicas (CPF), Sistema Integrado de Administração de Recursos Humanos (Siape), Sistema Integrado de Administração Financeira do Governo Federal (Siafi) e o Registro Nacional de Veículos Automotores (Renavam). Até agosto deste ano, estarão disponíveis mais dez bases para os usuários da solução.

Em breve, a SETIC lançará plataformas para a autenticação e reconhecimento digital do cidadão brasileiro.