Você está aqui: Página Inicial > Releases > Patrimônio da União arrecada R$ 22,4 milhões com a venda de 12 imóveis no DF

Notícias

Patrimônio da União arrecada R$ 22,4 milhões com a venda de 12 imóveis no DF

Resultado superou as expectativas e rendeu R$ 6,7 milhões a mais do que na licitação realizada no ano passado
publicado:  18/04/2018 21h16, última modificação:  18/04/2018 21h16

A Secretaria do Patrimônio da União, do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (SPU/MP), arrecadou R$ 22.456.992,00 com a venda de sete apartamentos e cinco terrenos no Distrito Federal. O valor arrecadado é 57% do preço mínimo de todo o edital, que ofereceu 28 imóveis em áreas nobres do DF.

O resultado da concorrência pública, lançada em 15 de março, superou as expectativas do governo e também o montante arrecadado com o edital anterior, de 2017, quando foram obtidos R$ 15,7 milhões. Neste ano, rendeu R$ 6,7 milhões a mais.

Foto: Hoana Gonçalves - Ascom/MP

“O resultado dessa licitação comprova que a SPU/MP está no caminho certo”, avaliou o secretário do Patrimônio da União, Sidrack Correia. “O mercado imobiliário está se aquecendo e isso nos dá tranquilidade e segurança para lançar novos editais ainda este ano, com oferta de imóveis em várias partes do País”.

Dos sete apartamentos que receberam propostas, cinco estão na Asa Norte e dois na Asa Sul. O mais disputado, que recebeu cinco ofertas, foi o localizado no Bloco C da 112 Norte, com área de 137,15 metros quadrados. Com preço mínimo de R$ 984 mil, ele foi vendido a R$ 1.053.000,00.

Dos sete terrenos ofertados, apenas dois não receberam propostas. O de maior valor, na Quadra 33 do Guará II, com 2,7 mil metros quadrados, saiu por R$ 7,5 milhões – o preço mínimo era de R$ 7,3 milhões. Além desse, receberam propostas dois terrenos na QI 9, um na QI 5 e um na QI 26 do Lago Sul.

A homologação do resultado da concorrência pública ocorrerá no próximo dia 23, segunda-feira da semana que vem. O valor recolhido para caução das   propostas que não obtiveram êxito será devolvido aos participantes na próxima semana. A conclusão do processo de venda desses imóveis deverá ocorrer em até 45 dias, que é o prazo aproximado para a assinatura do contrato com os licitantes vencedores.