Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Parlamentares do Sul discutem projetos no MP

Parlamentares do Sul discutem projetos no MP

publicado:  14/09/2004 09h00, última modificação:  02/06/2015 18h58

Brasília, 14/09/2004 - Deputados, senadores e empresários dos Estados de Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Paraná, participantes do Fórum Industrial Parlamentar Sul, estiveram reunidos com o ministro do Planejamento, Guido Mantega, e com o secretário executivo do MP, Nelson Machado, na sede do Ministério em Brasília, para a discussão dos projetos de infra-estrutura de interesse da Região Sul.


Foto: Antonio Cunha/Divulgação

O presidente do Fórum, deputado Adelor Vieira, apresentou ao ministro necessidade de R$ 9,3 bilhões de investimento na região para superar os gargalos da infra-estrutura local. Acompanhado de representantes das Federações das Indústrias dos três Estados, Vieira apresentou ao ministro os indicadores econômicos regionais e a significativa participação da Região Sul para os seguidos recordes da balança comercial brasileira.

O secretário executivo, Nelson Machado, destacou que, do total de projetos prioritários apresentados ao Ministério do Planejamento pela bancada, 75% estariam seriam de competência da União e esclareceu que 87% deles já estariam contemplados no Plano Plurianual 2004-2007. Este fato, ressaltou o secretário, "nos dá muito conforto ao perceber que existe convergência entre o que está colocado no PPA e as demandas apresentadas".


Foto: Antonio Cunha/Divulgação

No conjunto das prioridades apresentadas pelos parlamentares e contemplados no PPA, foram destacados os seguintes projetos:

  • Ampliação da infra-estrutura dos portos de Paranaguá, Rio Grande, São Francisco e Itajaí;
  • Construção do Contorno rodoviário de Curitiba;
  • Adequação dos trechos rodoviários da BR 101 - Palhoça/Osório;
  • Construção das pontes fazendo a ligação do Brasil com o Paraguai e o Uruguai;
  • Trecho da BR 470- Navegantes-Rio do Sul.

O ministro Guido Mantega disse ter ficado satisfeito com os dados apresentados pelo deputado Adelor Vieira que mostra a contribuição "essencial da Região Sul na balança comercial brasileira". Ressaltou que esta participação significativa implica em maior demanda de logística de transportes para o escoamento adequado da produção.
Mantega afirmou que no governo federal é prioridade máxima fornecer as condições para o crescimento do comércio exterior, dotando as empresas de maior competitividade.

Segundo o ministro, o governo está preparando um projeto emergencial para os portos brasileiros, dentro do qual estarão contemplados os portos do Sul. Mantega destacou que o governo federal já fez uma liberação recentemente de R$ 48 milhões para o melhoramento dos portos e novos recursos estão previstos.

O ministro disse que para manter este crescimento anual de 20% das exportações brasileiras, será necessário empreender ações rápidas nos portos no curto e médio prazo porque é "essencial que as empresas mantenham os espaços conquistados no comércio exterior", destacou.

Mantega afirmou que a Região Sul merece atenção especial por sua posição destacada na balança comercial e esclareceu aos parlamentares que o Projeto de Lei Orçamentária de 2005 prevê R$ 2,5 bilhões para emendas parlamentares que poderão ser direcionadas para investimentos na Região.

O ministro ainda pediu o apoio dos parlamentares do Sul na aprovação do Projeto de Lei das Parcerias Público-Privadas - PPP, segundo ele, uma alternativa para a realização de investimentos em infra-estrutura em tempos de recursos fiscais escassos.