Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Ministra participa de conferência e destaca redução de desigualdades no Brasil

Ministra participa de conferência e destaca redução de desigualdades no Brasil

publicado:  15/10/2013 14h11, última modificação:  02/06/2015 16h22

Miriam Belchior participou da 2ª Conferência Nacional de Desenvolvimento Rural Sustentável e Solidário e destacou avanços alcançados no País

Brasília, 15/10/2013 - A Ministra do Planejamento, Miriam Belchior, participou nesta terça-feira (15) da 2ª Conferência Nacional de Desenvolvimento Rural Sustentável e Solidário, realizada pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) e pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Rural Sustentável (Condraf), no Espaço Cultural Brasil 21, em Brasília.


Foto: Ilknes Souza/Divulgação

Miriam Belchior falou sobre os avanços alcançados pelo Brasil após uma década de implementação do modelo de desenvolvimento inclusivo centrado na busca do crescimento econômico com redução de desigualdades sociais e territoriais. “Dados da Pnad confirmam que o novo modelo de desenvolvimento do País trouxe resultados em nível nacional, mas teve resultados ainda mais positivos nas regiões tradicionalmente desiguais, como o Nordeste, o Norte e no meio rural, disse.

Os resultados do Índice de Desenvolvimento Humano dos Municípios (IDH-M), divulgados neste ano, indicam que em 1991, o Brasil tinha 4.777 municípios (86%), classificados com desenvolvimento humano muito baixo. Em 2010, já com o modelo de desenvolvimento inclusivo em vigor, apenas 32 municípios continuavam nesta condição – o equivalente a apenas 0,6% do total.

Segundo a ministra do Planejamento, apesar dos avanços alcançados, o Brasil ainda possui 2,5 milhões de pessoas na extrema pobreza e o governo federal continua atuando na redução dessa desigualdade. “Isso só nos desafia. Temos feito um conjunto de ações para buscar o cidadão brasileiro e, assim, retirá-lo da invisibilidade, declarou Miriam Belchior.

A Conferência

A 2ª Conferência Nacional de Desenvolvimento Rural Sustentável e Solidário tem como objetivo construir o Plano Nacional de Desenvolvimento Rural Sustentável e Solidário, de forma participativa, envolvendo nesse processo representações das diversas instâncias de governo, além da sociedade civil organizada.

Para a Secretária de Agricultura do município de Itajuípe na Bahia, Romy Fonsêca, a conferência é importante para que se possa compreender, participar e interferir na dinâmica das políticas públicas voltadas para o meio do campo. “Temos a representatividade de todos os estados e territórios. Eles trazem tudo o que foi discutido para que a gente unifique nossas propostas. Nesse momento, temos esse amplo entendimento do que está acontecendo na diversidade plural que é o nosso País, afirmou.

Íntegra da apresentação