Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Mais de 600 obras paralisadas foram retomadas

Notícias

Mais de 600 obras paralisadas foram retomadas

publicado:  24/08/2017 13h20, última modificação:  25/08/2017 10h38
Entre os empreendimentos estão unidades básicas de saúde e pronto atendimento e centros de iniciação ao esporte

 

Balanço divulgado nesta quinta-feira (24) pelo Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão aponta que 673 obras que estavam paralisadas, com valor unitário entre R$ 500 mil e R$ 10 milhões, foram retomadas. Dessas, 475 recomeçaram e 198 foram concluídas, com um investimento de R$ 1,4 bilhão.

No total, 1,6 mil empreendimentos localizados nos 24 estados e no DF receberam prioridade do governo federal para execução e conclusão das obras. Todos com relevância social e impacto direto na melhora da qualidade de vida da população local.

“Mesmo diante das dificuldades orçamentárias e com a preocupação em readequar a situação fiscal do País, o governo deu continuidade ao compromisso assumido, de retomar as obras paralisadas. O balanço mostra isso”, afirmou o secretário de Desenvolvimento da Infraestrutura (SDI/MP), Hailton Madureira.  

O balanço aponta que no setor de infraestrutura turística foram retomados 88,9% dos empreendimentos. Unidades Básicas de Saúde tiveram 86,1% das obras reiniciadas, Centro de Iniciação ao Esporte 73,4 %, Cidades Históricas 71,4%, Unidades de Pronto Atendimento 68,8% e Cidades Digitais 52,6%. No setor de saneamento básico 52,3% das obras recomeçaram a execução.

Desses 673 empreendimentos, 217 enfrentavam problemas técnicos, 212 foram abandonados pelas empresas contratadas e 145 estavam com dificuldades orçamentária e financeira para execução. Os demais, envolviam problemas com órgãos de controle, judicial, ambiental, de titularidade e desapropriação, entre outros.   

Conteúdo
Lista com as 673 obras retomadas by Ascom — last modified 24/08/2017 13h18
Apresentação - Retomada de obras paralisadas by Ascom — last modified 24/08/2017 13h19