Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Bernardo lança em Maringá Censo Agropecuário

Bernardo lança em Maringá Censo Agropecuário

publicado:  17/07/2006 09h00, última modificação:  02/06/2015 19h21

Brasília, 17/7/2006 - Com a instalação em Maringá (PR) nesta segunda-feira, 17/7, da primeira Comissão Censitária Municipal, o ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, e o presidente do IBGE, Eduardo Nunes, dão a partida para a realização do 10º Censo Agropecuário e da Contagem da População em 2007.

A coleta de dados será feita no período de abril a agosto de 2007 por cerca de 90 mil pessoas, entre servidores do IBGE e contratados temporários. A Contagem da População que será feita nos municípios com até 170 mil habitantes – 5.514, do total de 5.564 municípios brasileiros. Em 2010, o Censo Demográfico atualizará a população de todo o país.

Segundo Bernardo, pela primeira vez, a divulgação deverá sair no mesmo ano da coleta de dados, uma vez que os tradicionais questionários em papel serão substituídos pelo computador de mão ou Personal Digital Assistant (PDA) que trará ainda outras vantagens como a diminuição da possibilidade de erro do recenseador, a atualização imediata do Cadastro de Endereços, a transmissão de dados ao longo da coleta, entre outras.

O 10º Censo Agropecuário é um importante instrumento para guiar as políticas públicas para o setor uma vez que vai levantar informações nos 5,7 milhões de estabelecimentos agropecuários brasileiros. Mostrará as mudanças que ocorreram no setor desde o último levantamento realizado em 1996 e o impacto das políticas macroeconômicas como a consolidação do Plano Real e programas específicos como o PRONAF e as ações de Reforma Agrária.

A Contagem da População vai fornecer dados atualizados para a distribuição do Fundo de Participação dos Municípios – FPM, feita a partir de projeções e estimativas populacionais que o IBGE divulga anualmente desde 1989. O cálculo leva em conta as tendências de crescimento da população verificada no período entre os censos demográficos (feitos a cada dez anos) . O último censo foi realizado em 2000 e o próximo será em 2010.

As Comissões Censitárias devem ter no mínimo cinco membros e são formadas por representantes do IBGE, dos Poderes Executivos, Legislativo e Judiciário de cada município e funcionam como um canal de comunicação entre o IBGE e representantes da sociedade.

Na fase de preparação para o trabalho de campo, as comissões são importantes na cessão de espaços e infra-estrutura para a instalação dos postos de coleta e na revisão de mapas e cadastros para a coleta.