Você está aqui: Página Inicial > Assuntos > Patrimônio da União > Notícias > Governo federal abre licitação para venda 20 imóveis da União em sete estados

Notícias

Governo federal abre licitação para venda 20 imóveis da União em sete estados

Ação faz parte da reforma administrativa e visa melhorar a gestão do patrimônio da União

publicado:  06/11/2015 18h52, última modificação:  06/11/2015 18h56

A partir da próxima terça-feira (10), o governo federal realizará licitações para a venda de 18 imóveis pertencentes ao patrimônio da União distribuídos em seis estados, avaliados em R$ 93,2 milhões. As alienações fazem parte das diretrizes de melhoraria da gestão dos bens da União, no âmbito da reforma administrativa, conforme anunciado pelo ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão, Nelson Barbosa, em agosto.

No total serão alienados, num primeiro bloco, 20 imóveis distribuídos nos estados do Rio de Janeiro (quatro apartamentos, uma casa e três prédios), Amazonas (um prédio), Bahia (duas salas comerciais), Minas Gerais (um armazém), Rio Grande do Sul (três apartamentos e um prédio comercial) e São Paulo (uma casa e um prédio comercial) e Pernambuco (dois apartamentos), totalizando R$ 94,8 milhões.

Qualquer pessoa física ou jurídica interessada poderá participar do processo, basta atender as exigências dos editais como, por exemplo, efetuar o recolhimento da caução correspondente a 5% do preço mínimo especificado.

A venda de imóveis visa reduzir despesas e racionalizar os gastos no âmbito da Secretaria do Patrimônio da União (SPU). "Esperamos com essas alienações, além de arrecadar, tornar a gestão dos imóveis mais eficiente. Faremos a gestão apenas do patrimônio que for útil a implementação de políticas públicas", explica a secretária do Patrimônio da União, Cassandra Nunes.

No programa de melhoria de gestão do patrimônio da União, está ainda prevista alienação de outros imóveis sem interesse no serviço público em todo o país. Também deverão ser colocados à venda 530 imóveis funcionais administrados pelo Planejamento com previsão inicial de arrecadação de R$ 598 milhões.

Estado

Data da Licitação

Amazonas

10/11

Rio de Janeiro

11/11

São Paulo

10/11

Minas Gerais

12/11

Bahia

24/11

Rio Grande do Sul

26/11