Você está aqui: Página Inicial > Assuntos > Tecnologia da Informação > Notícias > SLTI debate Software Público durante Consegi 2010

Notícias

SLTI debate Software Público durante Consegi 2010

publicado:  16/04/2015 15h20, última modificação:  16/04/2015 15h20

Brasília, 16/8/2010 – O funcionamento e a regulamentação dos mecanismos de oferta, gestão e uso de Software Público é um dos assuntos que serão debatidos por especialistas da Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação (SLTI) do Ministério do Planejamento durante o III Congresso Internacional Software Livre e Governo Eletrônico (Consegi 2010).

O evento ocorre de 18 a 20 de agosto, na Escola de Administração Fazendária (Esaf), em Brasília/DF. A secretária de Logística e Tecnologia da Informação, Glória Guimarães, participará da abertura dos trabalhos.

Diretores e coordenadores da SLTI estarão abordando, entre outros assuntos, a Governança de TI no governo federal, onde serão avaliadas a situação atual e as perspectivas da melhoria de gestão sobre o tema na Administração Federal, como avanços no planejamento, alinhamento e controle sobre processos de contratação e uso de TI. Vão debater, ainda, Padrões Abertos e Governo Eletrônico.

Os participantes do Consegi terão também a oportunidade de conferir no dia 19, às 18h30, o lançamento de duas iniciativas da SLTI: o livro “Panorama da Interoperabilidade no Brasil e o “Curso de Interoperabilidade e Processos Públicos Institucionais.

Ambos são considerados pelo Ministério do Planejamento marcos importantes da e-PING em 2010. O curso será ministrado pelo Centro de Educação à Distância da Universidade de Brasília (Cead/UNB), em parceria com a Organização dos Estados Americanos (OEA) e Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

O objetivo do encontro é estimular o debate de temas da política e gestão de tecnologias em software livre, levando em conta conceitos de promoção da cidadania, interoperabilidade de sistemas de governo, compartilhamento do conhecimento e adoção de normas e padrões.

O evento, que é realizado em parceria com o Serpro, é gratuito e reunirá profissionais de TI das iniciativas pública e privada, comunidade acadêmica e estudantes. Palestrantes renomados do Brasil e de outros países já confirmaram presenças.