Você está aqui: Página Inicial > Assuntos > Tecnologia da Informação > Notícias > Secretaria de Patrimônio atende cidadão através da Internet

Notícias

Secretaria de Patrimônio atende cidadão através da Internet

publicado:  16/04/2015 15h19, última modificação:  16/04/2015 15h19

Brasília, 01/11/2000 -A Secretaria de Patrimônio da União (SPU) está facilitando a vida do cidadão. Quem precisar de qualquer informação sobre imóveis e áreas da União não precisa mais se deslocar de sua cidade até um balcão da Secretaria, instalado nas capitais do país: já está funcionando um serviço de atendimento através da Internet. Para isso, basta o interessado acionar o endereço www.spu.planejamento.gov.br e mandar um e-mail com suas dúvidas à regional da SPU correspondente ao local aonde está o imóvel.

Nos primeiros 15 dias a Secretaria de Patrimônio recebeu mais de 200 solicitações sobre assuntos que vão de consultas sobre legislação, até a perda de Darfs e pendências judiciais. As regionais estão se adaptando à nova tecnologia e já começaram a responder as perguntas, sob orientação da equipe da sede da Secretaria, em Brasília. Segundo Silvio Damasceno Ferreira, Gerente da Área de Receitas da SPU, a maior parte das dúvidas vêm do Rio e São Paulo, onde se encontram 30% dos imóveis da União cadastrados no Brasil.

Silvio adiantou que a idéia  do Ministério do Planejamento é transformar os balcões de atendimento da Secretaria em balcões virtuais até o final do ano, para que os interessados possam utilizar os serviços sem sair de casa ou de sua cidade.

“O balcão estará na tela do computador através de um portal na Internet. Lá o cidadão terá acesso à SPU para obter todas as informações e serviços que puderem ser realizados à distância. Está previsto, por exemplo, a disponibilização de uma imagem do Darf para impressão na hora. Quem não tiver um computador em casa poderá utilizar o serviço nos Correios, no Banco do Brasil ou na Prefeitura de sua cidade, explica Silvio Damasceno.

Outro serviço já disponibilizado na Internet é o requerimento de Darfs por e-mail: o cliente da Secretaria solicita o documento e escolhe a melhor data para o pagamento, e em até dez dias recebe o Darf pelo Correio.