Você está aqui: Página Inicial > Assuntos > Tecnologia da Informação > Notícias > Página da Transparência vai disponibilizar informações sobre gestão dos recursos públicos

Notícias

Página da Transparência vai disponibilizar informações sobre gestão dos recursos públicos

publicado:  16/04/2015 15h19, última modificação:  16/04/2015 15h19

Brasília, 20/3/2006 - Órgãos do governo federal terão de disponibilizar em seus respectivos portais uma nova página com informações referentes à gestão dos recursos públicos. Trata-se da Página da Transparência Pública que deverá conter dados relativos à licitações públicas, contratações, convênios e instrumentos congêneres, e informações sobre diárias e passagens relativas a cada órgão. Com exceção das informações sobre licitações públicas que deverão ser atualizadas semanalmente, as demais deverão passar por atualizações quinzenais.

A Portaria Interministerial Nº 140 que disciplina a divulgação desses dados e informações por meio da rede mundial de computadores foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta segunda-feira, dia 20 de março. O documento é assinado pelo ministro interino do Controle da Transparência, Jorge Hage Sobrinho, e pelo ministro do Planejamento, Paulo Bernardo.

A ação é uma iniciativa conjunta entre a Controladoria Geral da União (CGU) e o Ministério do Planejamento, que irá desenvolver o modelo das páginas por meio da Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação, e que disponibilizará aos órgãos um banco de dados com as informações que formarão o conteúdo mínimo.

O prazo para que a CGU e o Ministério do Planejamento disponibilizem esses conteúdos aos órgãos é de 60 dias. Os órgãos da Administração Direta terão mais 30 dias para implementar a Página da Transparência e os da Administração Indireta mais 60 dias. A iniciativa busca ampliar a transparência do Estado brasileiro ao qualificar a qualidade das informações sobre a gestão dos recursos públicos disponibilizadas aos cidadãos.

Segundo o secretário de Logística e Tecnologia da Informação do Ministério do Planejamento, Rogério Santanna, as tecnologias da informação potencializam a promoção da transparência pública porque permitem dar visibilidade às informações que antes ficavam restritas ao conhecimento de gestores públicos e que agora podem ser disponibilizadas on-line para o acesso de todos.

“O crescimento das informações em rede leva ao aumento da transparência e à diminuição da burocracia estatal. Com isso, há um maior controle social sobre o Estado que contribui para a democratização do processo decisório e para uma maior efetividade da ação governamental”, destacou Santanna.

A Página da Transparência deverá apresentar as informações de maneira simples, com recursos de navegação intuitivos a qualquer cidadão, independente de senhas ou conhecimentos específicos de informática. Todo o conteúdo técnico deverá ser precedido de texto introdutório e, sempre que possível, acompanhado de notas explicativas, na forma de dicas de tela. Também deverão ser apresentados com as respectivas fontes e datas da última atualização.