Você está aqui: Página Inicial > Assuntos > Tecnologia da Informação > Notícias > Novidades do Sistema de Convênios são apresentadas em seminário em SP

Notícias

Novidades do Sistema de Convênios são apresentadas em seminário em SP

Resultados e avanços do Siconv são apresentados a gestores públicos e privados

publicado:  12/11/2015 11h10, última modificação:  12/11/2015 11h24
Fotos: Divulgação/MP

Fotos: Divulgação/MP


O Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MP) apresentou as novidades do Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse do Governo Federal (Siconv) durante o seminário 2º Business Process Management (BPM) Brazil Summit 2015. Participaram do evento, nesta quarta-feira (11), em São Paulo, dirigentes públicos e privados, especialistas na área administrativa e atuantes em cargos gerenciais.

Os resultados e avanços do Siconv foram destaques na apresentação da Deborah Arôxa, diretora do Departamento de Transferências Voluntárias (DETRV). Entre as inovações implantadas este ano no sistema estão, por exemplo, a Rede Siconv, que tem o objetivo de realizar capacitação continuada e monitorar os resultados obtidos pelos entes da federação nas transferências voluntárias; a segmentação da ferramenta por perfil do usuário; a nova central de atendimento, que acabou com uma pendência de cerca de 1.700 pedidos; e a disponibilização de informações gerenciais por meio do Clickview.

Deborah, ao falar do Siconv, apresentou lições do setor público que podem ser aplicadas na iniciativa privada e vice-versa. “Demonstramos as ações do Ministério do Planejamento para implementar novas técnicas de gestão a fim de melhorar o resultado de um sistema estruturante para o cidadão”, afirmou.

Segundo a diretora, representar o MP no seminário foi importante, porque a partir da experiência, ela teve acesso a casos de sucesso na área de gestão que poderão ser aplicadas no Siconv. “Vamos repensar o modelo de negócio para melhorar o resultado para a sociedade, melhorando a eficiência e eficácia das transferências voluntárias”, completou.

Eduardo Carvalho, gerente da divisão de gestão por processos, Centrais Elétricas Brasileiras S.A.  (Eletrobras), aprovou o modelo Siconv apresentado. “Conseguir segmentar os perfis da população para buscar o melhor serviço é extraordinário, quebrar paradigmas e usar de soluções criativas é espetacular, eu espero que tenha muito sucesso e expanda isso para vários ministérios”, disse.

Siconv

Criado em 2008, o Siconv tem o objetivo de desburocratizar e dar mais transparência às transferências voluntárias da União para estados, municípios, Distrito Federal e entidades privadas sem fins lucrativos. A partir da utilização do sistema, o governo federal realiza o repasse de recursos para a construção de escolas, quadras esportivas, cisternas, poços artesianos, hospitais, estradas e outros. Atualmente, o sistema possui cerca de 150 mil usuários cadastrados.