Você está aqui: Página Inicial > Assuntos > Tecnologia da Informação > Notícias > Ministro assina acordo com CEF para ObrasNet

Notícias

Ministro assina acordo com CEF para ObrasNet

publicado:  16/04/2015 18h19, última modificação:  16/04/2015 18h19

 

 

 

 

 

Veja programação

 
   

Brasília, 18/09/2002 O Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão, Guilherme Dias, assina hoje, 18, às 17h, no Auditório do Palácio Itamaraty, um Acordo de Cooperação Técnica com a Caixa Econômica Federal para a implantação do ObrasNet, um sistema de acompanhamento on line das obras financiadas com recursos da União.

A assinatura faz parte do Seminário "Balanço de Dois Anos de e-Gov - Futuros Desafios", que contará com a presença do Presidente da República, Fernando Henrique Cardoso e do Ministro Chefe da Casa Civil, Pedro Parente.

Promovido pelo Comitê Executivo do Governo Eletrônico, Casa Civil da Presidência da República e Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, o Seminário tem por objetivo avaliar os resultados do Programa do Governo Eletrônico durante os dois últimos anos, e prossegue até o dia 20.

A abertura do evento está marcada para as 18h, no auditório do Palácio Itamaraty, com a presença de autoridades de todas as esferas e níveis de governo, além de acadêmicos, sociedade civil e iniciativa privada que discutirão integração entre as diferentes esferas do Governo e sociedade com o objetivo de prestar melhores serviços ao cidadão.

Logo após a abertura, o Secretário de Logística e Tecnologia da Informação, Sólon Lemos Pinto, fará apresentação do relatório do Comitê Executivo do Governo Eletrônico. Também na programação, palestras sobre "O Governo Eletrônico e sua Gestão" e "O Impacto do Governo Eletrônico sobre o Perfil do Servidor Público", além de debates, discussões e plenárias interativas.

Durante o período de implementação do governo eletrônico algumas metas foram atingidas e até superadas, como o incremento do canal virtual como meio de relacionamento para o pagamento de impostos, taxas e contribuições e a prestação de benefícios assistenciais e sociais pela Internet. Esses avanços conquistaram o reconhecimento nacional e internacional.

A partir de agora, a intenção do Governo Federal é identificar os principais desafios para a conclusão desta fase e criar bases para transformar o Governo Eletrônico em política de Estado, ultrapassando a sua concepção atual de programa de governo.

O seminário será gratuito e restrito a convidados, mas quem quiser poderá acompanhar a transmissão ao vivo pela Internet, através do endereço www.e.gov.br