Você está aqui: Página Inicial > Assuntos > Tecnologia da Informação > Notícias > Ministério do Planejamento participa do 14º Conip

Notícias

Ministério do Planejamento participa do 14º Conip

publicado:  16/04/2015 18h19, última modificação:  16/04/2015 18h19

Brasília, 4/6/2008 -O secretário de Logística e Tecnologia da Informação do Ministério do Panejamento, Rogério Santanna, participou na manhã desta quarta-feira do painel de abertura do 14º Congresso de Inovação da Gestão Pública (Conip).

Segundo Santanna, o Governo Eletrônico 2.0 - tema do painel de abertura - oferece ferramentas que permitem ampliar a participação e a interatividade dos cidadãos junto aos órgãos públicos através da internet.  O 14º Conip ocorre nos dias 4 e 5 de junho, na Fecomercio, em São Paulo. Da abertura também participaram outras autoridades no assunto.

“As ferramentas da web 2.0 permitem ligar ambientes muito distintos, estruturados ou não, de forma que podemos oferecer um serviço de boa qualidade ao usuário final sem que precisemos resolver primeiro todos os problemas ligados à integração entre os sistemas de informação”, acrescentou.

De acordo com o secretário, o  Portal do Software Público Brasileiro (www.softwarepublico.gov.br) é um exemplo de aplicação dos princípios da  web 2.0: “Nesse ambiente há uma grande interação e o compartilhamento de informações entre os usuários”, disse. Cerca de 20 mil pessoas participam das suas comunidades para troca de conhecimentos. 

Ele citou, ainda, as ferramentas de consulta pública utilizadas por portais do governo para ampliar a interação com o usuário. No portal do Programa de Governo Eletrônico (www.governoeletronico.gov.br), por exemplo, a sociedade pode participar das inúmeras consultas públicas disponibilizadas sobre os mais diversos assuntos.

Entre os temas que já estiveram em consulta pública nesse portal estão a Instrução Normativa para qualificar o processo de contratação de serviços de Tecnologia da Informação (TI) pelo Governo Federal, padrões de Governo Eletrônico, e especificações técnicas para aquisição de computadores pelos órgãos púbicos, entre outros. 

Prêmio Conip


O Portal do Software Público, administrado pela Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação (SLTI) do Ministério do Planejamento, é um dos finalistas do 11° Prêmio Conip de Excelência em Inovação na Gestão Pública na categoria Governança da Tecnologia da Informação. A solenidade de premiação dos vencedores será nesta quinta-feira, dia 5 de junho, às 18h. Da premiação concorrem finalistas em oito diferentes categorias.

Atualmente, o Portal do Software Público disponibiliza 15 soluções livres cujos códigos-fonte podem ser obtidos pelos diferentes órgãos públicos e também pela sociedade mediante cadastramento. De acordo com Santanna, o objetivo desse compartilhamento é reduzir custos, aprimorar os aplicativos disponibilizados e, conseqüentemente, a melhoria do atendimento à população. 

Entre as soluções disponíveis nesse ambiente está o Coletor Automático de Informações Computacionais (Cacic) que verifica diversas informações sobre o hardware e o software das estações de trabalho, e o Ginga que é o middleware - camada de software intermediário - da Televisão Digital Brasileira.

Palestras


O Portal do Software Público Brasileiro é tema da palestra que será ministrada no evento, na tarde desta quarta-feira, pelo gerente de Inovações Tecnológicas da SLTI, Corinto Meffe. A diretora do Departamento de Integração de Sistemas de Informação da SLTI, Nazaré Bretas, também falará sobre as novas regras para a contratação de serviços de TI no Governo Federal. A palestra será na tarde desta quinta-feira.

No estande do Ministério do Planejamento os visitantes também poderão saber mais sobre outros projetos desenvolvidos no âmbito da SLTI como os Padrões Brasil e-GOV e ações na área de acessibilidade na internet, indicadores para avaliação de serviços de governo eletrônico, iniciativas na área de inclusão digital, interoperabilidade e integração de sistemas, entre outros.

Além de materiais impressos, os visitantes do estande receberão um mini cd no qual poderão gravar, segundo sua conveniência,  um conjunto de arquivos digitais com conteúdos organizados de forma temática.