Você está aqui: Página Inicial > Assuntos > Tecnologia da Informação > Notícias > Congresso Internacional de Obras Públicas debate desafios do crescimento econômico

Notícias

Congresso Internacional de Obras Públicas debate desafios do crescimento econômico

publicado:  16/04/2015 15h20, última modificação:  16/04/2015 15h20

Brasília, 1º/12/2010 – Começou na manhã desta quarta-feira, em Brasília, o 1º Seminário Internacional de Obras Públicas promovido pelas Secretarias de Logística e Tecnologia da Informação (SLTI) e de Planejamento e Investimentos Estratégicos (SPI) do Ministério do Planejamento. Até sexta-feira, dia 3, representantes do governo, órgãos de controle, Poder Judiciário, empresas estatais, institutos de pesquisa, além de empresários, confederações, bancos públicos, prefeituras, governos estaduais, agências reguladoras e universidades se reúnem para debater as obras públicas no Brasil.


Foto: Luciano R./Divulgação

Na abertura do evento, o secretário-executivo adjunto do Ministério do Planejamento, Francisco Gaetani, afirmou que o governo está enfrentando problemas inéditos no Brasil, relacionados ao crescimento econômico dos últimos anos. “Nós estamos reconstruindo e regenerando a capacidade do Estado, qualificando os nossos servidores e investindo na capacitação de quem lida com compras e contratações, áreas por onde flui o dinheiro público, destacou o secretário.


Foto: Luciano R./Divulgação  

O secretário-adjunto lembrou que nos últimos anos foram realizados concursos públicos para contratação de centenas de novos engenheiros para compor os quadros efetivos da administração federal. Esses novos servidores estão lotados, principalmente, nos ministérios da área de infraestrutura, que vem ganhando cada vez mais espaço com a implementação de projetos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).
 

A secretária de Logística e Tecnologia da Informação, Maria da Glória Guimarães, destacou o ineditismo do congresso, que pela primeira vez reúne representantes dos setores público e privado, além de entidades internacionais, para discutir o movimento de obras públicas brasileiras.

“Nosso objetivo é melhorar as contratações de obras e também a entrega delas, por meio de processos mais efetivos e eficazes, afirmou a secretária. Ela acrescentou ainda que a SLTI está trabalhando, em parceria com outros órgãos, na modernização da legislação, para dar mais legalidade, transparência e rapidez à condução de obras públicas.

Maria da Glória lembrou que o Ministério do Planejamento tem atuado na construção de critérios de sustentabilidade nas contratações públicas do Governo Federal, atendendo exigências ambientais.


Foto: Luciano R./Divulgação 

 Também participou da cerimônia de abertura do congresso o ministro-chefe da Controladoria-Geral da União (CGU), Jorge Hage. Ele citou que a intensificação da retomada dos investimentos em infraestrutura no Brasil tem revelado que parte dos problemas para continuidade das obras nasce na elaboração dos projetos básicos.


Foto: Luciano R./Divulgação

O ministro também afirmou que é preciso que os técnicos que trabalham na elaboração desses projetos e acompanham as obras públicas estejam bem preparados, para evitar que haja problemas com o cronograma de entrega das obras da Copa do Mundo de 2014. “É na busca da melhoria da gestão que vamos encontrar as soluções que buscamos para o grande desafio que o país tem,de ampliar ainda mais o ritmo de investimento em obras públicas, disse.
 

 Serviço

1º Congresso Internacional de Obras Públicas
Quando: de 1º a 3 de dezembro de 2010
Local: Naoum Plaza Hotel , SHS, Quadra 5, Bloco H – Brasília/DF
Programação:
http://www.planejamento.gov.br/congressodeobraspublicas/