Você está aqui: Página Inicial > Assuntos > Gestão > Notícias > Assessores de Ciro Gomes elogiam eficiência no serviço público federal

Notícias

Assessores de Ciro Gomes elogiam eficiência no serviço público federal

publicado:  07/04/2015 15h23, última modificação:  07/04/2015 15h23

Brasília, 27/08/2002 - O Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão, Guilherme Dias, recebeu, esta manhã, o deputado Walfrido Mares Guia, representante do candidato à presidência da República pelo PPS, Ciro Gomes. Ele estava acompanhado pelo professor Roberto Mangabeira Unger, assessor econômico do candidato.

Esta foi a última reunião do Ministro, que esteve acompanhado do Secretário de Planejamento e Investimentos Estratégicos, José Paulo Silveira, com representantes de candidatos à Presidência, para apresentação do processo de elaboração do Plano Plurianual 2004-2007, que reúne as ações do Governo por um período de quatro anos e serve de base para os Orçamentos anuais.

Segundo o deputado Mares Guia, o encontro foi de "alto nível. Estamos num país sério, e é fundamental que as informações sejam passadas de um governo para o outro de forma tranqüila, ajudando na integração entre as equipes".

O professor Mangabeira Unger também elogiou a iniciativa do Governo Federal, considerando que o encontro ofereceu condições para "uma transição prática e fecunda".

Em seguida, afirmou que está em construção no Brasil um novo padrão de eficiência no serviço público, e que já existem "ilhas de excelência para a renovação da administração".

Ele considerou alentador constatar que o Brasil está construindo condições para consolidar e adaptar a administração pública aos padrões mais modernos de administrar existentes no mundo.

Mangabeira Unger encerrou afirmando confiar na disposição do Governo Federal em continuar trabalhando para preparar, até a posse do presidente eleito, as iniciativas legislativas e executivas para que a transição seja tranqüila.

"A continuar o espírito de colaboração atual, é de se esperar que o Governo trabalhe com o novo presidente para tomar iniciativas que ajudarão nos meses entre a eleição e a posse".