Você está aqui: Página Inicial > Assuntos > Gestão > Inovação > Notícias > Brasil e Dinamarca firmam acordo de cooperação para criação de laboratório de inovações em gestão pública

Notícias

Brasil e Dinamarca firmam acordo de cooperação para criação de laboratório de inovações em gestão pública

Espaço na Escola Nacional de Administração Pública (Enap) desenvolverá projetos durante três anos

publicado:  02/12/2015 15h36, última modificação:  02/12/2015 15h44
Foto: Francisca Maranhão/Ministério do Planejamento

Foto: Francisca Maranhão/Ministério do Planejamento


Os governos do Brasil e da Dinamarca assinaram, nesta quarta-feira (2), carta de intenções para cooperação em projetos de inovação para a gestão pública, incluindo a criação de um laboratório de inovação para aceleração de projetos com potencial de transformação na realidade de prestação dos serviços públicos à sociedade. Durante três anos, a Escola Nacional de Administração Pública (Enap) sediará o laboratório, em Brasília (DF). O acordo foi assinado na abertura da Semana de Inovação em Gestão Pública (InovaGov), que acontece no Centro Internacional de Convenções do Brasil (CICB), até o dia 4 de dezembro.
 
A proposta é que os dois países compartilhem conhecimentos, equipes e recursos na área de inovação, identifiquem ideias, selecionem projetos e desenvolvam soluções para melhoria do setor público. “O laboratório contribuirá para a geração de soluções criativas, mais eficientes e que transformarão a prestação de serviços públicos no Brasil, buscando responder de forma inovadora às demandas crescentes da sociedade” ressaltou o secretário de Gestão Pública do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MP), Genildo Lins.
 
Além da implantação do laboratório, o acordo de cooperação internacional prevê troca de experiências, formação conjunta de funcionários dos governos dos dois países, atividades conjuntas de pesquisa, participação em encontros acadêmicos e intercâmbio de profissionais.
 
A Dinamarca foi escolhida porque o país possui uma experiência governamental bem-sucedida para a aceleração de projetos inovadores, denominada MindLab, que desenvolve, desde 2002, projetos que inspiram criatividade, inovação e colaboração na gestão pública. O trabalho envolve cidadãos e empresas, com o intuito de trazer para dentro do governo a perspectiva da sociedade. O laboratório utiliza protótipos para testar, ajustar e desenvolver novas soluções. Além disso, tem uma plataforma de cocriação de boas ideias.
 
O acordo foi assinado pelo secretário de Gestão Pública do MP, Genildo Lins, pelo presidente da Enap, Gleisson Rubin, pela diretora-geral adjunta do governo da Dinamarca, Katrine Winding, pelo diretor do MindLab,Thomas Prehn, e pelo embaixador da Dinamarca no Brasil, Kim Christensen.