Você está aqui: Página Inicial > Assuntos > Empresas Estatais > Notícias > Vencedores do Prêmio Dest de Monografias são premiados em Brasília

Notícias

Vencedores do Prêmio Dest de Monografias são premiados em Brasília

publicado:  09/06/2010 10h25, última modificação:  13/07/2015 17h17

Brasília, 9/6/2010 – Os ganhadores da quinta edição do Prêmio Dest de Monografias – Empresas Estatais foram premiados na tarde desta quarta-feira, em Brasília. A solenidade foi promovida pelo Departamento de Coordenação e Governança das Empresas Estatais (Dest) do Ministério do Planejamento (MP).

A cerimônia integrou a abertura do Seminário sobre Plano de Cargos e Salários nas estatais, que ocorre até amanhã. O evento reúne dirigentes de empresas estatais, conselheiros do MP, gerentes de RH, técnicos e especialistas de órgãos executivos.

A primeira colocada na categoria Profissionais, Maria Zilda Conceição, recebeu das mãos do secretário-executivo do Ministério do Planejamento, João Bernardo Bringel, placa comemorativa pela posição alcançada com a monografia “Bancos públicos e a questão socioambiental no financiamento de projetos de usinas hidrelétricas.

 O secretário-executivo do Ministério da Fazenda, Nelson Machado, entregou o prêmio para o segundo colocado na categoria Profissionais, Marcos Machado de Almeida. Ele dissertou sobre a implementação do Global Reporting Initiative (GRI) em Furnas Centrais Elétricas S/A, apontando como tornar mais transparente a publicação das informações socioeconômicas e ambientais no âmbito de uma empresa de economia mista.

O vencedor do primeiro lugar na categoria Universitários, Ricardo Ramos da Silva Maia, recebeu premiação do diretor do Dest, Sérgio Francisco da Silva. A monografia premiada tem como tema “o arcabouço ambiental em projetos de desenvolvimento sustentável: a estratégia negocial desenvolvimento regional sustentável do Banco do Brasil.

O secretário-executivo do Planejamento destacou que a temática ambiental esteve presente nos trabalhos premiados nesta edição. “É um tema importante sob vários aspectos. Primeiro, porque não diz respeito apenas às estatais, mas à sociedade em geral. Ver como isso é tratado no âmbito da gestão empresarial constitui elemento significativo, uma vez que nossas estatais, sejam do setor financeiro ou do produtivo, passam a aderir ao conceito da responsabilidade socioambiental, afirmou.

Para Nelson Machado, secretário-executivo da Fazenda, a razão do prêmio, que existe há cinco anos, ainda é o de criar um momento em que seja possível refletir sobre a questão das empresas estatais, formas de controle, de inserção e de trabalho, além de buscar as transformações que a sociedade precisa.

O vencedor da terceira colocação na categoria Profissionais e o participante premiado com menção honrosa não puderam comparecer à cerimônia de premiação.

Lançamento da nova edição – Também foi lançada na tarde de hoje a sexta edição do Prêmio Dest de Monografias sobre empresas estatais. Em breve, serão divulgadas no site do Ministério do Planejamento informações sobre regulamento e prazos para inscrição.