Você está aqui: Página Inicial > Assuntos > Empresas Estatais > Notícias > Dest entrega prêmios aos vencedores da 6ª edição

Notícias

Dest entrega prêmios aos vencedores da 6ª edição

publicado:  13/12/2011 10h25, última modificação:  13/07/2015 17h27

Brasília, 13/12/2011 – Os vencedores do 6º Prêmio Dest de Monografias – Empresas Estatais receberam hoje, da direção do Departamento de Coordenação e Governança das Empresas Estatais, a premiação correspondente, durante o Seminário sobre Negociação Coletiva, realizado no auditório do Ministério do Planejamento.

O encontro reuniu dirigentes e técnicos das empresas estatais federais, de suas subsidiárias e controladas; representantes dos ministérios supervisores, e dos conselhos de administração.

A escolha das monografias, feita por uma banca examinadora composta por quatro membros, deu aos seus autores as quantias de R$ 15 mil para o 1º colocado; de R$ 10 mil para o 2º; e de R$ 5 mil para o 3º colocado na Categoria Profissionais. Os valores já foram depositados em conta bancária. Na Categoria Universitários, a banca decidiu não premiar nenhum trabalho.


Foto: Ilkens Souza/Divulgação

A monografia vencedora foi “Investimentos públicos, estatais e política fiscal: Os desafios do Pré-Sal, de autoria de Sérgio Gobetti e Rodrigo Octavio Orair. Na solenidade, o coordenador de Projetos Especiais do Dest, Noel Giacomitti, entregou a Gobetti a placa e o certificado alusivos ao prêmio.


Foto: Ilkens Souza/Divulgação

Em segundo lugar ficou Lucília Maria Gonçalves Ferreira, com “Para além do desejo de poder: A importância dos mecanismos do gestor para o processo de modernização no Setor Produtivo Estatal. Carlos Ricardo de Carli, autor da monografia “Parcerias Público-Privada da Embrapa dentro do contexto de uma nova ordem global, ficou com o terceiro lugar.


Foto: Ilkens Souza/Divulgação

Receberam menções honrosas as monografias “O ciclo de investimento das Empresas Estatais Federais, de Marco Aurélio Peres e Cristiano Portugal;  “Possibilidade jurídica para prorrogação das concessões de transmissão de energia elétrica para as sociedades de economia mista no setor elétrico brasileiro – Análise da Eletrosul Centrais Elétricas S.A., de Elton Rodrigo Bertuol; e “O papel de uma unidade produtiva de refino de petróleo para o desenvolvimento regional: A construção de uma agenda colaborativa e inclusiva, de João Mendes da Rocha Neto.

Ministra enfatiza papel do Dest

Ao participar do seminário, a ministra Miriam Belchior afirmou que fortalecer o Dest é uma determinação da presidenta Dilma Rousseff ao Ministério do Planejamento.


Foto: Luciano Ribeiro/Divulgação

“É preciso sintonizar a ação das estatais com as orientações gerais de governo, destacou a ministra. “E esse é um trabalho que o Dest tem feito, é uma tarefa nossa, no Planejamento, de fazer esta sintonia, que se dá em vários campos. E um deles é a política de recursos humanos.

Ao lado do diretor do Dest, Murilo Barella, e do secretário-executivo adjunto do Ministério, Valter Correia, a ministra Miriam lembrou que nestes 11 meses e meio de trabalho vem tentando melhorar o atendimento do Dest às empresas, fazendo gestões junto à Casa Civil, num esforço para atender melhor às demandas, para liberar com agilidade as necessidades das estatais que dependam do Dest.


Foto: Luciano Ribeiro/Divulgação

“Gostaria que os senhores vissem a relação com o Ministério do Planejamento, como um caminho de duas mãos. Por um lado, cobrar sintonia com o governo. Mas, por outro, estar à disposição para equacionar dificuldades, resumiu a ministra.