Você está aqui: Página Inicial > Assuntos > Desenvolvimento > Parcerias Público-Privadas > Notícias e Eventos > Notícias > Ministro participa de lançamento da primeira PPP administrativa

Ministro participa de lançamento da primeira PPP administrativa

publicado:  30/10/2006 13h35, última modificação:  12/06/2015 12h40

O ministro do Planejamento Paulo Bernardo participou hoje, na sede do Banco do Brasil, em Brasília, da solenidade de lançamento da primeira Parceria Público Privada (PPP) na modalidade de concessão administrativa para a construção e operação do centro de dados a ser compartilhado pela Caixa e BB. O contrato é de cerca de R$ 800 milhões, em 25 anos.

Durante a solenidade o ministro afirmou que as PPP demoraram um pouco na fase inicial por causa da definição das regras e para formular a normatização, mas que agora não falta mais nada. "Temos que ter projetos como este para se lançar o edital, porque agora as PPP vão deslanchar", afirmou o ministro.

Ele acrescentou que a instalação do Datacenter do Banco do Brasil e da Caixa vai servir de âncora para que outras empresas se instalem no local. "Isso pode transformar a cidade digital em um grande espaço de produção de conhecimentos, serviços, empregos e impostos que serão recolhidos para ajudar o Distrito Federal", completou o ministro.

O Consórcio Datacenter formado pelo Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal prevê investimentos de cerca de R$ 300 milhões só para a edificação de um complexo que vai garantir a segurança dos dados das duas instituições financeiras propiciando a continuidade dos negócios, mesmo em casos de desastres.

O contrato da PPP, que envolve o investimento e a prestação de serviços, ainda está em consulta pública. Segundo cálculos do BB e da Caixa, a PPP pode representar uma economia de R$ 30 milhões em função de o empreendimento ser conjunto.