Você está aqui: Página Inicial > Acesso à Informação > Servidores no MP > Cargos e carreiras do MP > Analista em Tecnologia da Informação

Analista em Tecnologia da Informação

publicado:  10/06/2015 21h51, última modificação:  06/11/2017 17h17

O cargo de Analista em Tecnologia da Informação – ATI, nível superior, integrante do Plano Geral de Cargos do Poder Executivo (PGPE), foi criado por meio da Lei nº 11.357, de 19 de outubro de 2006. Na condição de Órgão Central do Sistema de Administração dos Recursos de Tecnologia da Informação – SISP, o Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão – MP, por meio da Secretaria de Logística e de Tecnologia da Informação (SLTI/MP), promoveu a iniciativa da criação do cargo com vistas a fortalecer as áreas de TI dos órgãos integrantes do SISP.

As atribuições do cargo se referem às atividades de planejamento, supervisão, coordenação e controle dos recursos de tecnologia da informação relativos ao funcionamento da administração pública federal, bem como execução de análises para o desenvolvimento, implantação e suporte a sistemas de informação e soluções tecnológicas específicas, especificação e apoio à formulação e acompanhamento das políticas de planejamento relativas aos recursos de tecnologia da informação, entre outras.

Os servidores ocupantes do cargo de ATI, além de exercerem as atividades centralizadas na SLTI/MP, também podem atuar de forma descentralizada nos diversos órgãos que fazem parte do SISP. Atualmente, os ATIs estão em exercício no Órgão Central, nos Órgãos Setoriais, que são os Ministérios e os órgãos da Presidência da República, nos Órgãos Seccionais, que são as Autarquias e Fundações, além dos Órgãos Correlatos, que são definidos como unidades desconcentradas e formalmente constituídas dos recursos de TI nos Órgãos Setoriais e Seccionais. Há ainda servidores que atuam no desenvolvimento de consultorias de projetos específicos nos órgãos do Sistema.

Alocação

2017

Histórico de concursos

AnoVagasEditalInstituição Promotora
 2013   51(*)   01/2013  FUNRIO
2009 345 02/2009 FUNRIO

(*) Foi autorizado pelo MP o acréscimo de 149 vagas, totalizando 200 vagas

Perfil